.:: Psicólogo Clínico (CRP 06/97030), Professor, Escritor e Expositor ::.
.:: Contato ::..:: Responsabilidade Social ::. .:: Espaço "Fragmentos da vida cotidiana ::. .:: Textos ::..:: Fotos e Vídeos ::. .:: Livros ::. .:: Quem sou ::.
 
 

Livros

 

A essência da (in)felicidade: uma análise psicossociológica dos fatores que permeiam a construção e entendimento de um provável conceito de felicidade.

Editora: Edição do Autor
Autor: Rodrigo Arcanjo
ISBN: 978-85-910556-0-9
Origem: Nacional
Ano: 2010 (Versão atualizada - 2019)
Edição: 1
Número de páginas: 149
Acabamento: Brochura
Formato: Médio

Clique aqui para adquirir seu exemplar impresso.
Clique aqui para adquirir em formato e-Book.

Sinopse:

Este livro tem o objetivo de apresentar e discutir, em seus aspectos fundamentais, alguns fatores psicossociológicos que permeiam a construção e entendimento de um provável conceito de felicidade. Por meio de argumentos contundentes, fundamentados em teorias sociológicas, psicológicas e na análise do cotidiano, procurou-se repensar os sentidos que configuram uma melhor compreensão de nossa realidade.

Espera-se, é claro, que a obra consiga desafiar o leitor ou, no mínimo, seduzi-lo. Seu conteúdo ao mesmo tempo se aproxima, opõe-se, explora e questiona, de maneira bem delineada e incisiva, tanto informações alicerçadas na ciência quanto opiniões e modos de sentir próprios do senso comum sobre questões existenciais, filosofia, família, trabalho, relacionamento, sexualidade, sociedade, educação, cultura, comportamento e desenvolvimento humano, entre outros temas.

A obra “A essência da (in)felicidade” rompe, de fato, com ideias mágicas ou ingênuas. Prioriza, antes de tudo, tanto os aspectos subjetivos quanto os fatores ambientais que, em síntese, entremeiam o processo de desenvolvimento do ser. Ao invés de apontar ou definir caminhos, seu conteúdo traz, por exemplo, reflexões que concebem e compreendem, segundo concepções existenciais-fenomenológicas, um modelo de homem que é produto da percepção que este desenvolve de si e do meio que o cerca.

Nestes aspectos, definiu-se como público-alvo, estudiosos de Ciências Humanas e Sociais, assim como todos aqueles que se interessam por essas temáticas. Mesmo assim, fica um desejo implícito de atrair todos os demais leitores para um saber mais cirúrgico, penetrante, elegante e enriquecedor a respeito do homem sob o aspecto de realidade única e ainda pertencente a um meio sociocultural.

Sumário:

PREFÁCIO

INTRODUÇÃO

Capítulo 1 - Problemas que nos assombram

Capítulo 2 - Caminhar no inferno

Capítulo 3 - Um encontro com “deus”

Capítulo 4 - Essência desumana

Capítulo 5 - Visão cega

Capítulo 6 - Enredos amorosos

Capítulo 7 - Às margens da (in)felicidade

APÊNDICE A – Comportamentos (assertivos) dos pais que podem auxiliar o desenvolvimento sadio dos filhos

APÊNDICE B – Ansiedade: algumas observações psicanalíticas

REFERÊNCIAS

NOTAS

 

Psicodinâmica do mundo corporativo: as fronteiras que separam a coerção e o sofrimento do desenvolvimento de pessoas.

Editora: Edição do Autor
Autor: Rodrigo Arcanjo
ISBN: 978-85-910556-1-6
Origem: Nacional
Ano: 2012
Edição: 1
Número de páginas:258
Acabamento: Brochura
Formato: Médio

Clique aqui para adquirir seu exemplar impresso.
Clique aqui para adquirir em formato e-Book.

Sinopse:

Neste livro, o Psicólogo Rodrigo Arcanjo (CRP 06/97030) discute os efeitos preocupantes de uma configuração do mundo que silencia diversos gritos de socorro, diante de situações de sofrimento, violência, negligência e desamparo.

O autor percorre os aspectos psicológicos e sociais contemporâneos que caracterizam situações específicas de trabalho que são passíveis de sofrimento, sujeitamento, excessos, esvaecimento e morbidade. Vai, para isso, em busca das fronteiras que separam a coerção e o sofrimento do desenvolvimento de pessoas, por intermédio de uma cuidadosa preocupação com os princípios e conhecimentos reconhecidamente fundamentados na ciência psicológica, na ética e na legislação profissional.

Com um estilo único e direto, há o desejo de suscitar inúmeras discussões e controvérsias, para que a obra possa ampliar percepções e dar voz à pessoa humana, constituída por desejos, medos, aptidões, limitações, sonhos, dificuldades, conflitos e expectativas.

Mesmo diante de um tema complexo, discutível e marcado pela historicidade, busca-se refletir sobre questões sociais controversas e até banalizadas, mas que potencializam a chance do indivíduo caminhar rumo ao sofrimento, ao desamparo e à desintegração.

Sumário:

PREFÁCIO

INTRODUÇÃO

Capítulo 1 - Subjetividades sufocadas: quando o trabalho violenta e aprisiona

Cooptação
Difícil diferenciar
Vitrine de “possibilidades”
Insaciabilidade
Relações entre trabalho e alterações da saúde mental
Alguns medos enfrentados
O que está atingindo seus indicadores de rotatividade de pessoal?
A loucura – uma visão sócio-histórica
Visão organicista e psicofuncional – alguns conceitos e reflexões
Reducionismo na prática psiquiátrica
Cultura e exploração
Stress ocupacional e Psicopatologia no Trabalho – algumas perspectivas
Aspectos psicossociológicos
Mecanismos de defesa
Groupthink
Mecanismos de defesa contra práticas coercitivas – uma visão comportamental
Mas há um limite
Sentido ético abandonado e depressão
Síndrome de burnout
Subjetividades sufocadas – crítica à utopia social e profissional

Capítulo 2 - O conceito de assertividade diante de um ambiente marcado pela coerção

Portas fechadas
Coerção
Alguns aspectos que contaminam o ambiente organizacional
Punir ou não punir?
Dilema do ciclo coercitivo
Aprendizagem organizacional – algumas considerações importantes
Possíveis desistências / não envolvimentos / “o não aprender”
Algumas verdades lamentáveis
Calamidade na vida emocional
Algumas contribuições teórico-técnicas aplicadas aos desafios clínicos relacionados às queixas da vida profissional
Terapia Racional-Emotivo-Comportamental (TREC)
Mudança terapêutica por meio da TREC
Comportamento Tipo A e o conceito de lócus de controle
Treinamento assertivo

Capítulo 3 - Espetáculos sociais e cultura do narcisismo

Real x Ideal
Prós e contras
Relatividade na concepção do real
Identidade
Cultura do narcisismo
Sociedade do espetáculo
Sociedade do consumo
Servidão voluntária

Capítulo 4 - Gestão, liderança e ética

Crise ética
Discursos cosméticos, modismos ou real desejo de transformar?
Treinamento e Desenvolvimento não é sinônimo de...
O que o Treinamento e Desenvolvimento busca?
Análise de situações de treinamento (em busca de maturação e mudanças efetivas)
Treinamento é sempre necessário (breve análise situacional)?
Aprendizagem organizacional
Gestão (estratégica) de Pessoas
Aspectos envolvidos nas transformações ocorridas na concepção da Gestão de Pessoas
Feedback – algumas considerações
Observações importantes
Onde a história se inicia?
O fantasma da diferença
Gerações
A essência da liderança
Para refletir...

Capítulo 5 - Trabalho como fonte de prazer

Aspectos psicodinâmicos que devem ser considerados na realidade organizacional
Alguns elementos que favorecem o desenvolvimento das pessoas e equipes
Necessidade de mudança – uma visão existencial-fenomenológica
Mas como mudar? Isso é possível?
Rumo à louca perfeição
Um ideal de integração e aperfeiçoamento

APÊNDICE A – Características mais e menos valorizadas no mercado de trabalho
APÊNDICE B – Mitos organizacionais
APÊNDICE C – Sobre a Psicoterapia

REFERÊNCIAS

 

 

.:: Home ::.
 

Rodrigo Arcanjo - Copyright 2011 - Todos os direitos reservados
.:: Serviços de Psicologia Clínica ::. .:: Plantão Psicológico ::. .:: Currículo Lattes ::. .:: Facebook ::..:: Currículo Lattes ::..:: Linkedin ::. .:: Missão, Visão e Valores ::. .:: e-mail ::. .:: Whatsapp ::. .:: Página inicial ::.